Close

julho 13, 2015

TICs em Bibliotecas Universitárias

Tecnologia pode ser definida como conhecimento sobre técnicas, enquanto as técnicas envolvem aplicações desse conhecimento em produtos, processos e métodos organizacionais.Já a inovação é algo novo ou alguma mudança em produtos, processos e métodos.

Assim inovação tecnológica não é algo novo e sim algo que vem ocorrendo acompanhando a passagem do tempo.

Em Bibliotecas Universitárias inovação e padronização acompanham sua história. A padronização é necessária para assegurar a qualidade em alguns serviços e para a troca de informação a exemplo da catalogação por cópia, onde se pode copiar a ficha catalográfica feita por uma biblioteca e disponibilizada em rede, porque perder tempo fazendo algo que alguém já fez? Isto não significa apenas copiar a ficha, é relevante que se façam alterações conforme a necessidade, os usuários e a área de atuação de cada biblioteca.

A padronização é e foi necessária para realizar inovações ocorridas nas bibliotecas a exemplo dos catálogos que passaram de anotações em fichas e destas para catálogos on line, todavia apesar da mudança de suporte, de melhorias os catálogos mantêm sua essência comprovando que para inovar não é preciso abandonar por completo a tecnologia anterior.

As inovações incrementais são aquelas que podem ou não resultar de atividades de Pesquisa e Desenvolvimento, muitas delas são sugeridas por funcionários ou mesmo usuários. Sabemos que P&D não é uma pratica em bibliotecas e que mesmo tendo sofrido algumas inovações radicais na maior parte do tempo são as incrementais que são introduzidas continuamente para melhoria e aperfeiçoamento de produtos e serviços.

Tecnologia da Informação e Comunicação – TICs inovando bibliotecas universitárias

Mudança é a palavra chave para sucesso desde o fim do século XX e já sabemos que para mudar é preciso inovar. O usuário não deseja inovações radicais, as incrementais já satisfazem o desejo por mudança. As Bibliotecas Universitárias devem estar conscientes desta nova característica do mercado e por disponibilizarem mais serviços que produtos, se pautam nas TICs para inovar e consequentemente oferecer mais e melhores serviços principalmente os de informação, seu ponto chave, sem esquecer os outros como os de lazer e entretenimento (sim se pode encontrar os dois em bibliotecas) a exemplo dos serviços de ação cultural.

As novas tecnologias de informação e comunicação permitem varias formas de implantação e adaptação de produtos e serviços, estes novos ou melhorados passam uma imagem de inovação e dinamismo das Bibliotecas Universitárias. Essa imagem é fundamental para que as bibliotecas conquistem e mantenha seus usuários, tarefa nada fácil diante das opções e facilidades de pesquisa encontradas na internet.

Assim, através da adoção de tecnologia da informação e comunicação as Bibliotecas Universitárias tentam conciliar o paradigma da biblioteca de guarda e conservação do acervo para o paradigma atual da biblioteca de apropriação do conhecimento e gerenciamento do acesso a informação.

Fonte

Deixe uma resposta