Close

novembro 4, 2015

Tese defendida no Doutorado Interinstitucional da Ciência da Informação ganha prêmio nacional

Interessante ver uma tese da nossa área ganhando prêmio nacional. Quem tiver interesse em acessar a tese para dar uma lida é só clicar aqui. Boa leitura, pessoal!

A pesquisa Arquitetura da informação pervasiva: contribuições conceituais, do Prof. Henry Pôncio Cruz de Oliveira, foi premiada como a melhor tese do XVI Encontro Nacional em Pesquisa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (Enancib), o principal evento da área na América Latina. O trabalho foi desenvolvido durante o Doutorado Interinstitucional (Dinter CI-UNESP-Marilia-UFC), com orientação da Profª Silvana Vidotti (UNESP) e coorientação da Profª Virgínia Bentes (Universidade Federal do Ceará).

Essa é a primeira tese defendida no Brasil com a temática. Sua contribuição tem sido considerada fundamental para as pesquisas voltadas ao ambiente do ciberespaço, na perspectiva de oferecer melhor qualidade no acesso à informação. Para a Profª Virgínia Bentes, a premiação é mais um indicativo da qualidade das teses produzidas no âmbito do Dinter.

A arquitetura da informação pervasiva é uma abordagem teórico-prática que trata da pesquisa científica e do projeto de ecologias informacionais complexas. Ela busca manter o senso de localização do usuário, bem como o uso de espaços, ambientes e tecnologias de forma convergente e consistente.

A abordagem promove a adaptação da ecologia ao próprio usuário e aos novos contextos, sugerindo conexões da informação, facilitando a interação com conjuntos de dados ao considerar os padrões interoperáveis, a acessibilidade, a usabilidade, as qualidades semânticas e a encontrabilidade da informação. Para tanto, ela contempla aspectos de pervasividade (propagação), ubiquidade (onipresença) e responsividade (adaptação automática aos diversos tipos de aparelhos) em relação à informação e tecnologias.

Fonte: Profª Virgínia Bentes, do Departamento da Ciênciasda Informação – fone: 85 3366 7702

Fonte